segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Pão da mami

 Um pãozinho caseiro sabe tão bem e lá em casa já não passamos sem ele. Fazemos em quantidade para não estarmos sempre a fazer e depois é só congelar na arca e retirar quando for necessário.

 

Ingredientes:
  • 6 kg de farinha de trigo sem fermento
  • 750 ml de água morna por cada kg de farinha 
  • 50/60 gramas de fermento de padeiro (derreter o fermento em água quente, mas não a escaldar)
  • sal q.b.

Preparação:

1. Colocar a farinha numa bacia. Deitar o sal a um canto e despejar por cima água quente para o sal derreter. Derreter o fermento de padeiro num pouco de água quente e adicionar à massa.


2. Amassar e, pouco a pouco, ir adicionando água morna. Puxar a massa das bordas para dentro, amassar com os punhos fechados, repetir o processo e bater a massa contra as paredes da bacia. 


4. Se a massa ficar muito mole, junte um pouco mais de farinha. Se estiver seca, junte água.
5. Amassar mais um pouco até a massa se despegar das mãos. (No tempo da minha avó, amassava-se a massa até formar bolhas, mas não é necessário, basta que a massa fique elástica e macia).

6.  Polvinhar a massa com farinha e separar a massa da bacia em toda a borda, enfiando as mãos entre a massa e a bacia.
 7. Fazer uma cruz na massa (a tradição dos antigos permaneceu até aos tempos modernos :)) e dizer: Deus te levede e Deus te acrescente para o sustento da minha gente.

8. Tapar e deixar a massa a levedar cerca de uma hora (até a massa aumentar de volume, mais ou menos o dobro do tamanho).


9. Tender a massa num prato, dando-lhe a forma desejada e dobrando as bordas da massa para dentro (não se preocupe se ficar com aberturas por baixo), mas lembre-se que a massa cresce durante a cozedura. Deve ter sempre as mãos enfarinhadas para a massa não se agarrar às mãos. 


10. Colocar o pão numa pá previamente enfarinhada e levar ao forno a lenha. Repetir o processo para os outros pães.
11. Deixar cozer até os pães ganharem cor.

12. Retirar do forno, colocá-los numa caixa e enquanto arrefecem deve cobri-los com um pano/cobertor.

Aproveitámos a massa e fizemos uns pãezinhos com salsicha (também pode rechear com queijo e salsicha, chouriço, queijo e chouriço, etc.). Tenda a massa em retãngulos, rechei-a e depois feche-a bem, deixando nas pontas uma abertura para se ver o recheio.


Avaliação dos Pataniscas: 4,5
Avaliação de 1 a 5 

4 comentários:

  1. Que delícia! Pãozinho feito á mão têm outro sabor!

    bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Marlene! Tem mesmo outro sabor :) Sabe tão bem quando ainda está quentinho com manteiga... uma delícia!

      Bjs

      Eliminar
  2. Que pão maravilhoso...
    beijinhos,
    Addicted
    http://cookaddiction.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bigada miga :) Adoramos o pão feito cá em casa... é muito saboroso!
      Beijinhos

      Eliminar